Uma boa organização financeira pode parecer uma tarefa difícil para o pequeno e microempresário. Conciliar as despesas da empresa e os gastos pessoais é uma atividade trabalhosa e por muitas vezes essas contas acabam se misturando, o que pode gerar prejuízos irreversíveis.  

Uma gestão financeira equilibrada exige a separação das finanças pessoais e as da sua empresa, assim é possível saber com certeza qual o lucro real do seu negócio e os resultados exatos dos seus investimentos, por exemplo. Com isso é possível fazer projeções futuras com mais segurança.  

Nesse breve artigo iremos reunir dicas para te ajudar a controlar adequadamente as suas finanças pessoais e empresariais. Veja:  

Despesas
  1. Faça uma análise financeira:  

Saber o lucro real gerado pelo seu negócio seria o primeiro passo ideal para começar a sua organização financeira. Fazer um diagnóstico dos seus gastos pessoais também é necessário.  

Desse modo, separe ambos os cálculos em planilhas diferentes para ter uma visão geral de cada um individualmente.  

  1. Adeque as suas retiradas a realidade da sua empresa: 

É importante entender que o lucro da empresa não é o mesmo que o seu lucro individual como empresário. Ambos possuem finalidades diferentes. 

O seu salário como empresário, também conhecido como pró-labore, precisa ser adequado a realidade do seu negócio. A partir do conhecimento da situação financeira da sua empresa, você deve propor um salário que não comprometa as demais atividades da firma. Consulte o valor pago para a sua função em companhias de mesmo porte e área de atuação.  

  1. Contas bancárias distintas:  

Pode parecer simples, mas muitas vezes pela correria do dia-a-dia esquecemos de separar corretamente alguns âmbitos. O ideal é que você tenha contas correntes separadas, uma principal para a empresa e uma conta particular para o seu uso próprio.  

Com contas separadas fica mais fácil ter uma organização financeira, dessa forma você poderá controlar os lançamentos nos extratos, os pagamentos recebidos e os gastos realizados.  

Por não separar as contas, muitos empresários podem vir a cometer o erro de pagar contas pessoais com o cartão da empresa, por exemplo. Esse é um dos primeiros tópicos que podem acarretar a desorganização das finanças.  

Uma das vantagens de ter as contas correntes separadas é para efeitos fiscais. Com isso, você pode comprovar o seu faturamento, o que torna mais simples a declaração de Imposto de Renda, por exemplo.  

Veja também o nosso artigo sobre Imposto de Renda para o Microempreendedor Individual e quais as suas obrigatoriedades: Imposto de Renda 2021: O MEI precisa apresentar? Qual a obrigatoriedade?

  1. Opte por planos corporativos:  

Ao utilizar a pessoa jurídica para contratar serviços essenciais para o seu negócio é possível encontrar planos muito mais em conta do que os disponíveis para pessoas físicas. Existem planos corporativos e linhas diferenciais de crédito para pessoa jurídica.  

É importante conhecer bem os serviços e planos oferecidos pelo seu banco para melhor aproveitar os benefícios.  

  1. Estabeleça metas de reservas mensais:  

Uma reserva financeira é algo essencial para uma empresa, principalmente com as mudanças constantes do mercado acontecendo. Com elas é possível ter respostas rápidas as necessidades do seu negócio e até na tomada de decisões arriscadas, como novos investimentos.  

Assim como é interessante ter reservas pessoais para usar em momentos de imprevistos, como tratamentos médicos de última hora, ou até mesmo para tirar férias. Sem precisar recorrer aos caixas da empresa.  

Dica #Megga  

E você? Já parou para organizar as suas finanças pessoais e empresariais? Separamos essas dicas rápidas para que você pudesse dar o start no seu gerenciamento financeiro, mas não se esqueça de procurar o auxílio de um profissional contábil de confiança para não cometer erros que podem prejudicar o crescimento do seu negócio. 

Por Byanca Ribeiro

Redatora

You might also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *